8 de jan de 2013

Transmissão de Ensinamentos


http://1.bp.blogspot.com/-LbewPvitgl8/UFZf1URoROI/AAAAAAAAC0Y/pPr9pkTT-_0/s1600/Sermon+on+Mount+-+Gustave+Dore.jpg

33 - Disse Jesus: aquilo que ouvirdes com um ouvido e com o outro, proclamai do alto de vossos telhados; pois que ninguém acende um candeeiro e põe-lhe em cima uma redoma; nem o coloca em um lugar escondido, mas prepara-lhe um pedestal para que todos que entrem e saiam possam ver a luz.

Quem mergulhou na Verdade libertadora dentro de si mesmo, sente o impulso irresistível de proclamá-la aos outros. Quem tem verdadeira experiêcia de Deus não pode deixar de proclamá-la por sua vivência, não tanto por palavras, nem mesmo com atos externos, mas com a sua própria atitude interna. O íntimo ser do homem atua mais poderosamente do que qualquer externo agir, dizer ou fazer. A irradiação externa da luz é diretamente proporcional à sua intensidade interna. “Fazei brilhar a vossa luz diante dos homens, para que eles vejam as vossas boas obras e glorifiquem vosso Pai celeste” – não glorifiquem vosso ego humano, como querem os não iniciados, porque esse ego é apenas o canal, mas as águas vivas vêm da Fonte.

Há uma pseudo-modéstia que pretende ocultar a luz das boas obras, a fim de evitar vanglória. Quem está em perigo disto, faz bem em ocultar a sua luz; mas um homem realmente espiritual não corre perigo de envaidecimento. Se, segundo as palavras do Mestre, nós somos a luz do mundo, não há perigo de contaminação, porque a luz é a única coisa incontaminável.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...