13 de abr de 2013

Sendo Feliz


http://1.bp.blogspot.com/-vXMJ1y3LG5Y/TeGlWl-nFSI/AAAAAAAAEXc/iZu9WMe4duU/s1600/Galactic-Building-Blocks.jpg

99 - Os discípulos disseram a ele: Teus irmãos e tua mãe estão lá fora. Disse-lhes ele: Os que aqui estão cumprem a vontade de meu Pai, e são meus irmãos e minha mãe; estes são os que entrarão no Reino de meu Pai.

Em todos os Evangelhos e entre os iniciados de todos os tempos e países é proclamada essa preferência da afinidade espiritual sobre o parentesco carnal. Mais lhes interessa a família que eles fizeram pela alma do que a família que os fez pelos corpos.

Quem descobriu a sua família espiritual perde o estreito apego aos bens materiais, que são o sustentáculo da família carnal, e põe seus haveres ao serviço da família maior da humanidade. A posse legal se alarga para um usufruto espiritual. Hoje em dia, a renúncia não é mais o simples abandono dos bens materiais, mas sim o alargamento da sua função a serviço da família maior da humanidade. Pode o homem continuar a ser o proprietário de seus bens, legalmente registrados e carimbados no cartório, mas a sua consciência vai além do cartório e ultrapassa os estreitos limites da legalidade humana, expandindo-se na largueza do usofruto desses bens sob os auspícios da sua consciência espiritual. O homem crístico, de exclusivista que era, se torna inclusivista, incluindo no usofruto da sua propriedade o maior número possível de seres humanos.



http://viagensculturais.files.wordpress.com/2012/06/8e-the-ancient-excavated-buddha-image-inside-the-parinirvana-temple-kushinagar.jpg

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...